Ínicio > Blog > Queda de pelo em gatos: o que causa, tratamento e como evitar
CATEGORIAS

Queda de pelo em gatos: o que causa, tratamento e como evitar

Queda de pelo em gatos: o que causa, tratamento e como evitar Catlicious

Nem toda queda de pelo em gatos é anormal. Aliás, quem tem pet em casa já está habituado a encontrar pelos no sofá, no chão e até mesmo nas roupas. Assim como o nosso cabelo tem um ciclo, os pelos dos gatos também passam pelas fases de crescimento e de queda. Mas e quando a queda de pelo é excessiva? Quando ela pode representar algum problema de saúde?

Saiba quando a queda de pelos é normal e quando ela pode ser um motivo de preocupação.

Troca de pelo X Queda de pelo

Antes de saber o tratamento da queda de pelo em gatos, é preciso saber quando os pelos caindo significam apenas uma troca de pelagem.

Todos os bichanos apresentam o mesmo ciclo folicular, mas algumas raças podem ter um ciclo mais rápido, o que pode causar uma maior queda de pelos. Além disso, existem fases em que os gatos perdem mais pelos. Geralmente, os gatos filhotes trocam de pelo por volta de quatro meses, caracterizando uma nova fase na vida do peludo.

Há uma troca de pelos que varia de acordo com as estações, sendo mais intensa no período da primavera e do outono.

A troca de pelo intensa acontece para controlar a temperatura do animal. Na primavera, ela ocorre para que o pet possa se livrar dos pelos nascidos no outono e no inverno, dando lugar para os pelos mais curtinhos. Já no outono, acontece o contrário, ou seja, os pelos mais curtos caem e dão espaço para os mais grossos e densos.

Causas da queda de pelo em gatos

A perda de pelo em gatos deve ser investigada sempre que for localizada ou acompanhada de outros sintomas. Saiba quais as principais causas e o que as diferenciam:

Queda de pelo excessiva

Já fez carinho no gatinho e a mão saiu cheia de pelos? Essa queda excessiva pode ocorrer principalmente por desnutrição, alimentação de baixa qualidade, falta de Sol, estresse ou mudança na rotina.

Queda de pelo localizada

A queda excessiva de pelos que deixa algumas falhas na pele do bichano deve ser investigada. As principais causas são as alergias alimentares, dermatite de contato ou quadros de estresse em que o animal se lambe muito.

Queda de pelo com feridas

A queda de pelo com feridas por ser causada por pulgas, picadas de inseto, presença de fungo, alergia, entre outros sintomas que causam muita coceira.

Queda de pelo nas orelhas

Quando o gatinho está com os pelos caindo perto da orelha e, além disso, tem presença de feridas, é importante levá-lo para uma consulta veterinária. Esse quadro pode ocorrer por uma contaminação fúngica, otites e, principalmente, por sarnas de gato.

Tratamento da queda de pelo

Caso notar que a queda de pelo está excessiva ou acompanhada de outros sintomas, vale consultar um médico-veterinário.

A perda de pelo do bichano pode ter diversas causas, que vão desde as mais comuns até as que necessitam de mais atenção. O tratamento depende do agente causador, sendo ideal uma consulta veterinária.

Como evitar a queda de pelo em gatos

Escovar o gato é um gesto de amor. Passar a escova no bichano ajuda a eliminar as pulguinhas, além melhorar a circulação sanguínea e desfazer os nós.

A escovação diária tira os pelos mortos e reduz a quantidade de pelos caídos no chão, no sofá e nas roupas. A outra vantagem é que aumenta o brilho e a maciez dos pelos do felino.

A escovação também previne a formação de bolas de pelo, que podem ser prejudiciais para a saúde dos gatos.

Petisco para bola de pelos

É importante prevenir a formação de bola de pelo. Além da escovação, os petiscos também podem te ajudar na prevenção, de uma maneira saborosa e divertida, é claro.

Catlicious

 

CatLicious Hairball é um petisco para gatos crocante por fora e macio por dentro que leva em sua composição óleo mineral, auxiliando na evacuação dos pelos ingeridos pelos gatos.

Você pode fornecer de 10 a 20 partículas por dia como forma de agrado, ajudando na saúde do seu gato de uma maneira deliciosa!

 

Escreva um Comentário

Avalie o post: *