Ínicio > Blog > Gato chorando e miando. O que pode ser?
CATEGORIAS

Gato chorando e miando. O que pode ser?

Gato chorando e miando. O que pode ser? Catlicious

Todo gato possui suas próprias manias e costumes, o que os tornam diferentes um dos outros, porém, o miado de gato sempre será algo que todos terão em comum, afinal de contas, o que seria dos gatos sem o famoso miau? 

Gato miando muito pode ser um problema bem comum, principalmente se o bichano está precisando de algo. Entender e saber como diferenciar os tipos de miado é a chave para uma convivência saudável. 

Razões do miado

Por trás de todo miado existe uma razão específica. Por isso, separamos os motivos que costumam fazer o gato miar.

  • Pedindo comida - esse é o motivo mais conhecido pelos tutores. Geralmente, o peludinho irá miar constantemente no local onde recebe a sua ração, ou se sentir o cheiro de um alimento apetitoso;
  • Nervosismo - sempre que o gatinho estiver estressado, ele poderá soltar miados para indicar esse estado de espírito. Você poderá ouvir esse miau específico quando o felino estiver realizando uma atividade que não o agrada, como tomar aquele banho caprichado, por exemplo;
  • Boas-vindas - os gatos também são ótimos recepcionistas, por isso, não estranhe caso você receba miados de carinho quando chegar em casa;
  • Necessidade de atenção - se o seu bichano é do tipo carente, é bem provável que você já ouviu muito desse miado. É comum o gato miar quando quer um cafuné, portanto, não deixe de encher o seu companheiro de carinho;
  • Cio - ao entrar no cio, os gatos costumam miar de forma diferente e constante. Nesse período, é comum que o comportamento do felino também mude;
  • Medo - medo não é uma exclusividade apenas nossa. Quando os gatos estão assustados e amedrontados, miam para vocalizar o sentimento. Em momentos como esse, também é comum que o gato fique mais agressivo;
  • Acesso - gatos adoram se sentir donos de seu território, e ter acesso a todos os cômodos faz parte desse reinado. Caso alguma porta esteja impedindo que o bigodudo ande por aí, ele irá começar a miar e não irá parar até que abram.

 É importante lembrar que essas não são as únicas razões que podem fazer o gato miar. Dentre outros motivos, está o miado de dor, um caso mais específico e que necessita de muita atenção. Fique com os olhos atentos aos comportamento do seu bichano e sempre conte com a ajuda de um médico-veterinário.

Cuidados com os felinos

Gato mimado: Grande parte dos miados podem ser evitados com alguns cuidados. Se você sempre fizer a vontade do felino após o miado, ele poderá associar a atitude à um bom comportamento. Lembre-se de manter um equilíbrio, afinal de contas, quanto mais mimado é o seu companheiro, mais miaus você poderá ouvir. 

Mudanças: Em caso de mudança de casa, tenha paciência com o felino. Ele precisará de um tempo para se adaptar e os miados serão uma forma de expressar que está com saudades do antigo lar. Mudanças de alimentação também pode causar estranheza nos bigodudo, o deixando mais irritado e muito barulhento. Mais uma vez, a calma é essencial.

Além desses cuidados, também recomendamos CatLicious para acabar de vez com aquele miado que pede um petisco.

Benefícios de um bom petisco

Se você já questionou se Catlicious é um bom petisco vamos rapidamente esclarecer essa dúvida: é claro que sim! 

Todo gato possui o seu sabor favorito e, CatLicious, tem uma grande variedade de petiscos, com gostos e formas diferentes. Além disso, você também pode contar com petiscos para gatos  que são funcionais: além de saborosos eles ajudam a cuidar da saúde dos bichanos. 

Utilize os petiscos da CatLicious para adestrar e brincar com o bigodudo, oferecendo o agrado sempre que ele realizar os comportamentos certos. Teste e comprove, o seu peludinho vai adorar. 

Escreva um Comentário

Avalie o post: *