Ínicio > Blog > Gato vomitando: pode ser gastrite?
CATEGORIAS

Gato vomitando: pode ser gastrite?

Gato vomitando: pode ser gastrite? Catlicious

Quando você vê um gato vomitando, qual a primeira coisa vem a sua cabeça? Boa parte dos tutores acha que pode ser apenas as famosas bolas de pelo. Mas será que é isso mesmo?

Sim e não. Acontece que o vômito pode ser causado pelas famosas bolas de pelo, que vão se acomulando no organismo do animal, até o momento em que ele começa a expelir. 

Gato vomitando pelo é um quadro fácil de se identificar. O animal irá apresentar um comportamento quieto e bem cansado logo depois de vomitar. Após notar o gato vomitando bola de pelo, evite que beba água e suspenda a ração por um tempo. Depois disso, aos poucos vá oferecendo pequenas doses de água e ração; se o gato não apresentar melhora, aí você deve levá-lo ao veterinário. 

O vômito pode representar um outro problema bem mais sério: a gastrite em gatos.

O que é a gastrite em gatos?

A gastrite em gatos se apresenta como uma doença gastrointestinal comum entre os felinos domesticados. A gastrite atinge gatos de todas idades e raças, principalmente animais que vivem ou já viveram na rua. 

A gastrite em gatos possui sintomas que estão relacionados aos hábitos alimentares inadequados, como:

 

  • Consumo de alimentos em más condições
  • Ingestão de substâncias tóxicas — venenos, medicamentos, plantas tóxicas, produtos químicos e de limpeza etc.
  • Contato com fezes de outros animais

Tudo que foi listado acima representa um risco sério ao bom funcionamento de todo o aparelho digestivo dos gatos, porém a causa pode ser outra e bem mais séria.

O gato com gastrite pode ser resultado de uma infecção bacteriana ou viral, problemas renais ou hepáticos, alergia alimentar e câncer. Mas há evidências de que o estresse contínuo também possa causar a gastrite, assim como o uso excessivo de remédios antibióticos. 

Geralmente os primeiros sintomas das gastrite é um desconforto na parte superior do abdômen, quase sempre acompanhado de uma azia, que surge logo depois de cada refeição. Como os gatos não conseguem expressar nenhum tipo de sintoma, fica a seu cargo fazer a identificação.

Conforme a inflamação vai avançando, os sinais mais característicos da gastrite vão surgindo:

  • Vômito — pode conter sangue e bile. O sangue com a bile possui cor amarela ou verde, já o sangue deixa o vômito com uma cor vermelha ou marrom-avermelhada 
  • Perda de apetite e peso
  • Desidratação
  • Diarreia
  • Cansaço
  • Salivação excessiva
  • Sangue nas fezes

Sempre que o gato vomitar será por causa da gastrite? Veja isso logo abaixo. 

Gato vomitando é sinal de gastrite?

Sim, gato vomitando pode ser sinal de gastrite, mas nada é tão simples assim. Sempre ressaltamos o trabalho do médico-veterinário para identificar o que realmente está acontecendo com o animal. Mesmo sabendo dos sintomas da gastrite, não há como afirmar o problemas sem antes receber um veredito de um veterinário. 

Porém, em casa você pode ter um primeiro diagnóstico que, segundo os veterinários, funciona muito bem:  

  • Se você perceber que seu gato está vomitando várias vezes ao dia, deixe o potinho dele sem ração durante um bom tempo. Se mesmo sem comer ele continuar vomitando, leve-o a um veterinário. Esse sintoma acima é apontado como o mais comum em animais com gastrite ou uma outra infecção gastrointestinal. 

Gato vomitando: o que mais pode ser?

O gato vomitando muito pode ser resultado de outros problemas de saúde. Por exemplo:

  • Alergia à ração — na composição da ração pode haver alguma substância de não está reagindo bem dentro do organismo do seu gatinho. Nesse caso, retome a ração antiga ou peça ajuda a um médico-veterinário 
  • Estresse — mudança de casa, de rotina ou até de ração pode estar causando um estresse no gato; e como consequência, além de vomitar muito, há perda de apetite 
  • Ingerir plantas — algumas plantas são tóxicas e, logo após a ingestão, vão causar o vômito do gato 
  • Parasitas — gato com verme é um dos exemplos mais comuns de como um parasita pode se manifestar dentro do organismo. Procure a ajuda de um veterinário 
  • Obstrução do estômago: o vômito pode ser uma forma que o organismo do seu gato encontrou para expelir um brinquedo ou qualquer outra coisa que está no estômago. Como isso é um caso de urgência, corra imediatamente para uma clínica veterinária   

Antes de acabar, nós queremos dar uma última ajuda muito útil a você. 

Meu gato está vomitando e não come: o que fazer?

Quando o gato vomita muito, é necessário que você examine o vômito. A característica do vômito pode ajudar a identificar sua causa. Por exemplo, um gato vomitando espuma branca pode ser consequência das bola de pelo, mas também por indicar problemas renais em gatos ou uma inflamação gastrointestinal. Vai ser desagradável ficar analisando o que ele expele, mas é necessário. Se o problema for causado pelo ingestão de algum objeto, você saberá assim que ele vomitar. 

Como já dissemos anteriormente, retire a água e a comida do alcance do animal por um tempo. Se ele não voltar a vomitar, aos poucos você pode oferecer água, mas continue sempre de olho. Por pelo menos 24 horas vai ser necessário controlar a quantidade de ração e água.

Por fim, lembre-se que nada do que foi dito vai substituir a opinião de um médico-veterinário. Use essas informações como um norte, para ter uma ideia do que fazer. 

Escreva um Comentário

Avalie o post: *