Ínicio > Blog > Gato vomitando: o que fazer?
CATEGORIAS

Gato vomitando: o que fazer?

Gato vomitando: o que fazer? Catlicious

Ao ver um gato vomitando, logo pensamos que podem ser apenas as famosas bolas de pelo. Sim, pode ser somente elas mesmo, mas prestar atenção se seu gato tem vomitado frequentemente e quais as características da substância que ele tem colocado pra fora, é importante para checar se está tudo em ordem com ele ou não.

Por exemplo, notou que ele está vomitando várias vezes ao dia e o vômito apresenta uma cor escura? Então é hora de procurar um veterinário para tratar seu bichano da maneira correta. Mas fique calmo e não se assuste, vamos te deixar por dentro do assunto para você entender que nem sempre o vômito é motivo de desespero.

Quadros de vômito causados por bolas de pêlo são bem comuns, mas é importante saber diferenciar as situações observando o que o gato expeliu e qual o seu comportamento. É natural ele ficar mais cansado e quieto depois de vomitar. Procure suspender a água e a ração dele por um tempo para que ele não volte a golfar. Aos poucos, ofereça pequenas doses de líquido e ração. Se o mal-estar do gato persistir, leve-o ao veterinário.

Gato vomitando. O que fazer?

Uma mesma característica do vômito pode significar diferentes causas. Por exemplo, um gato vomitando espuma branca pode ser apenas as bolas de pelo, como também indicação de problemas renais ou inflamações gastrointestinais. É exatamente por isso que contar com um profissional de sua confiança para consultar e te ajudar a solucionar o que está acontecendo com o organismo do seu pet é essencial.

Separamos aqui algumas das causas mais comuns que podem resultar no vômito em gatos — algumas de fácil solução e outras que necessitam de cuidados e atenções mais especiais:

  • Bolas de pelo: isso é comum de todo gato, e acreditamos que 99,9% dos catlovers saibam disso. Gatos costumam engolir certa quantidade de pelos graças aos seus “banhos”, que nada mais são do que eles se lambendo por inteiro. Alguns fios ficam presos naquelas saliências que deixam a língua felina áspera, e eles acabam engolindo pra não deixar tudo aquilo preso na boca. Escovar frequentemente a pelagem do seu gato ajuda a diminuir as chances dele expelir bolas de pelo.

Se o seu gato vomitar bolas de pêlo, não se assuste. Elas não são anormais, apenas causam incômodo no gato, que deve expeli-las. O que você pode fazer é prevenir para que isso não chegue num estado crítico. Escove sempre o seu gato, ofereça água e invista numa alimentação que ajude na eliminação das bolas de pelo.

Para evitar a formação de bolas de pêlo, é importante optar por um alimento específico, escovar o gato diariamente ou a cada três dias, deixar água sempre à disposição do felino, proporcionar um ambiente interativo e levá-lo ao veterinário a cada seis meses para que ele avalie a saúde geral do gato.

Você também pode contar com CatLicious Hairball, um petisco para gato que ajuda o organismo felino a expelir esses fios que vão parar na barriguinha do pet.

  • Comer muito rápido: se você observar seu gato vomitando ração, pode ser que ele está comendo rápido demais. É preciso ficar atento à velocidade em que ele esvazia o potinho, prestando atenção também se ele está mastigando direito antes de engolir.

Existe um tipo de comedouro que auxilia muito nesse tipo de problema, sendo em formato de espiral para que o felino não consiga abocanhar grandes quantidades de uma só vez.

  • Alergia à ração: parece que seu amiguinho não gostou da nova ração e colocou tudo pra fora? Na verdade, isso pode ser seu estômago reagindo a alguma substância do novo alimento que não fez muito bem ao organismo do seu bigodudo. Retornar à ração antiga ou pedir uma dica a um veterinário de alimento hipoalergênico são ótimas saídas para driblar esse problema.
  • Gastrite em gato ou intolerância: se você perceber seu gatinho vomitando várias vezes ao dia, experimente deixar o potinho vazio durante o dia. Se perceber que ele continua a vomitar, mesmo sem comer, está na hora de levá-lo a uma consulta o mais rápido possível, pois isso pode ser sinal de infecção gastrointestinal ou de algum tipo de intolerância.
  • Estresse: se a rotina do seu peludinho mudar, seja pela troca da ração ou até mesmo por uma mudança de casa, ele pode acabar se estressando e adquirindo doenças que o façam vomitar. Por isso vale lembrar: faça o necessário para manter seu felino sempre feliz!
  • Ingerir plantas: alguns felinos acabam comendo as plantas que encontram pela casa, portanto é necessário ter apenas as que não sejam tóxicas para o organismo do seu bichinho.
  • Parasitas: esses também podem ser os responsáveis por deixar seu gato vomitando. Vermes são exemplos de parasitas que, no vômito ou até nas fezes, são fáceis de identificar.
  • Obstrução do estômago: se o vômito aparecer por seu amiguinho ter engolido parte do brinquedinho dele ou qualquer outra coisa que possa agredir seu estômago, é hora de correr para a ajuda. Essa é uma situação que pode colocar a vida do seu pet em risco, então muita atenção!

Gato com verme: sintomas

O vômito também pode ser um sinal de que o gato está com verme, nesse caso, a avaliação veterinária é essencial. Veja outros sintomas de um gato com verme:

  1. Perda de peso

Os parasitas se alimentam das proteínas e nutrientes que o gato ingere, fazendo com que ele perca peso.

  1. Diarreia

Se o seu gato apresentar fezes escuras ou esverdeadas, atente-se e informe ao seu veterinário, pois pode indicar que o problema esteja na parede do intestino delgado do animal.

  1. Mudanças na pelagem

A pelagem é um indicativo de como está a saúde do gato. A má absorção dos nutrientes e falta de hidratação podem mudar a pelagem do felino, deixando-a fosca e desajeitada.

  1. Alteração da cor da gengiva

A gengiva em tons pálidos pode indicar uma anemia ou algum outro sintoma que pode ser provocado por um parasita.

  1. Abdômen inchado

O abdômen de um gato com verme tende a ficar inchado, ou seja, a barriga fica com um volume maior que o normal. É importante apalpar com calma a barriga do animal e verificar se ele sente incômodo quando você toca.

Catlicious

Escreva um Comentário

Avalie o post: *

Comentários - Gato vomitando: o que fazer?

Manu Eduarda

Bom saber. Estava preocupada, mas vi que é só bola de pele o problema com o Feni.

Reinilda

Suas explicações foram valiosas , obrigada

Rose

Obr pelas informações percebi que meu gato esta comendo muito rápido